quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

Atualização do Patrimônio Financeiro - Novembro de 2018: R$32.973,22.

Olá soldados do milhão, segue atualização de Novembro, peço desculpas pela ausência da atualização de outubro, deu alguns incidentes que inviabilizaram a postagem em tempo hábil, se eu for fazer uma fórmula: internet sem sinal + blogger fora do ar + um pouco de procrastinação da minha parte. Mas estas coisas negativas não atingiram meus ganhos, que me são satisfatório.  

Ações:




Em dois meses houve valorização em 12% do percentual da minha carteira, ótimo se não excelente, única desfavorecimento é péssimo resultado trimestral da OIBR4, fechou com prejuízo em 1,3 foderosos bilhões, resultado este que colaborou para maior queda do preço da ação, R$1,36 atualmente. Porém, como já expliquei, o motivo da minha alocação é estratégia, a Oi está em recuperação judicial que finaliza no final do próximo ano, mesmo com esse resultado, mantém o Valor Patrimonial por Ação (VPA) em R$10,60, ou seja, se a empresa vender tudo que tem e pagar suas dívidas, sobrarão 10,60, para cada ação, a ser distribuído aos acionistas, e é isso que estou de olho, terei até a próxima sexta para decidir se aproveito a queda.

Fora a EUCA4, todas outras empresas da minha carteira apresentaram os resultados referentes ao terceiro trimestre de 2018, ao meu julgar, algumas ações estão com seus fundamentos bastante favoráveis para mais aquisições, mesmo após aumento dos seus preços. Se eu pudesse indicar, diria que as cotações BEES, CARD, QGEP e SAPR seriam ótimas para se ter na carteira e que tem muito a oferecerem para quem segue a filosofia "buy and hold", estas empresas mantém uma Margem Líquida acima ou próximo de 20%, um ROE acima da Selic e pouco endividamento, não há problema da empresa contrair dívida mas não pode ficar muito desproporcional ao Patrimônio líquido. Gostaria de adicionar mais três ações em minha carteira, pra ter um total de 15 ações distintas, mas aumentar as cotas das ações já adquiridas não é má ideia, faria os dois mas meu poder de aporte não é dos melhores.

Mútuo:

Como sabem, o investimento que fiz sob forma de empréstimo a um amigo pra iniciar um empreendimento, valor em R$8.000,00, a burocracia é o que impede o início de compra de mercadoria, esse foi um dos principais motivos da minha decisão em disponibilizar esse recurso, pra que adiantasse os registros, infelizmente o objeto de comércio não pode ser explorado sem permissão do Estado, caracterizando crime. Fora isso, a animação e apoio para iniciar as atividades no começo do próximo ano são grandes.

Consolidado:


 

Pra quem tem como meta 1,5% ao mês, estou fechando o ano com uma média de 2% ao mês, no geral dos 18 meses registrados na planilha com sistema de cotas, mantenho a média de 1,6%, quando a realidade se sai melhor que a expectativa não tem como segurar a satisfação, porém, mantenho minha estima inerte, isso porque está totalmente inserido na RV não te dá garantia de nada para os próximos resultados, mas a vida é assim, planejamos o futuro sem a garantia de estarmos vivos até lá. No nível em que estou, arriscar é o sensato.

O abandono da ideia de "compra de carro" e a expectativa do início do "ciclo" de crescimento da bolsa de valores:


Na última postagem relatei que não haveria apostes nos meses seguintes em razão da necessidade da aquisição de um carro usado para servir de transporte em minhas pesquisas, a fim empreender na área rural. Pois é, gostaria de dizer que terei que adiar o plano para "apostar" na "nova era" que está por vir.


Alguma vez já lemos ou ouvimos algo do tipo "quem investisse 10 mil na bolsa em 1950 e deixasse lá valorizando, seria bilionário após o ano 2000", de fato a história trás provas do porquê desse fenômeno, no gráfico acima, as partes selecionadas representam o que chamam de "O grande ciclo da bolsa de valores", que é o momento em que há grande crescimento do mercado, um dos ciclos mais conhecido é o "milagre econômico" (1969 a 1973) na época do regime militar, o PIB crescia em média de 10% ao ano, conjuntamento com queda da inflação.

Por que confiar que o ciclo iniciará?

Se verificarmos a história, medidas tomadas na administração pública tendem a alterar a confiança dos investidores e empreendedores, tanto que podem trazer prejuízos ou benefícios, na época anterior ao Regime Militar, a ameaça comunista deixavam desconfiança dos investidores em relação ao Brasil, com mobilização do Exército que garantiu a "não venezuelização" do país, trouxe a confiança do mercado e consequente ciclo que inspirou a frase "ame-o ou deixe-o". Mas nos anos seguintes os militares, aproveitando da disponibilidade de crédito, emprestaram causando aumento da dívida pública.

Tivemos o ciclo após o Regime, especificamente no Governo Collor, com a abertura do mercado ao exterior e desestatização, baseado nos ideais neoliberais. Por fim, o último ciclo aconteceu no Governo Lula com a valorização e ala dos commodities (matéria-prima).

Após o último ciclo, os escândalos atrás de escândalos de corrupção política, inspirações estatistas no manuseio da economia que gerou déficits em empresas estatais,  trouxeram desconfiança e queda do crescimento. Com a queda da chapa PT após 16 anos consecutivos (no meu entendimento o Temer, sendo vice da Dilma, continuou com o Governo PT), agora com a eleição do Bolsonaro (que pelo menos se diz Liberal) que procura se associar com países que podem nos oferecer bons negócios (EUA, Israel, etc) em vez de prejuízos (Cuba, Venezuela, etc), estamos diante de um provável ciclo de crescimento, onde pequenos se tornarão grandes até o final.

Em resumo, isso é tipo o sonho de Nabucodonosor das vacas gordas que em seguinte são devoradas por vacas magras, logo, durante o crescimento não será momento de consumo, mas sim de investir, porque uma hora ele acaba, iniciando o processo de baixas, melhor exemplo foi do ciclo durante o Governo Lula, muita gente aproveitando o crédito fácil para financiar casa, carro, moto e etc, no fim, todos endividados, quem soube investir está bem.

                              



Abraço do Norte e Boa Sorte.

quarta-feira, 3 de outubro de 2018

Atualização do Patrimônio Financeiro - Setembro de 2018: R$30.498,85 ou + R$331,20 (+1,1%).

Olá soldados do milhão, segue atualização do mês de setembro, mês da comemoração da independência onde não fui escalado para marchar por está agregado em uma setor esquecido, e espero que continue assim.

Ações:



Houve uma reviravolta nas variações das ações bem nos "45 do segundo tempo" que impediu que esta atualização saísse com o resultado negativo, isto é bom, a Copel deu uma valorizada legal, em contraparte da Unipar, que está sendo minha "menina dos olhos" na carteira, deu uma queda de 45% de sua valorização. Banco ABC Brasil saiu do negativo, que não era tão negativo, e agora está positivo, que não é tão positivo, mas o esperado daqui em diante é que se valorize mais, confirmando minha confiança em seus fundamentos. A OI, como expliquei o motivo da aplicação em postagens anteriores, está em recuperação judicial e assumi um risco de tanto se recuperando quanto falindo de vez, há uma possibilidade de ganhos, logo, meu psicológico ignora essa volatilidade, se até o décimo dia deste mês o preço cair para menos de dois temers a ação, talvez faça um pequeno aposte pra arriscar mais alto. 

Em geral, aguardarei os terceiros resultados trimestrais das empresas, compreendidos nos meses JUL/AGO/SET, mas devido burocracia, estarão disponíveis em novembro para o público, geralmente é no segundo mês após o término do trimestre que apresentam os resultados ao público. Só após isso, para averiguar se vendo ações que perderam seus bons fundamentos.

Dividendos: setembro não ganhei nada, mas na última segunda-feira recebi 3,30 dilmas da Itaúsa como dividendos, e 1,70 ciros da Banestes como Juros de Capital Próprio, já garantem a coxinha na cantina.

Mútuo

Só lembrando que realizei um empréstimo a um amigo para um empreendimento que iniciará as suas atividades no início do próximo ano, devido burocracia para constituir empresas nesse país, foram 8 mil bolsonaros, que por enquanto, só sofrem a ação das inflações até o resultado desta empreitada.

Consolidado



Obs: O rendimento mensal foi 0,43%, os 1,1% no título da postagem diz respeito ao somado do aposte.

Posso dizer que estou satisfeito nesse ano, e até o presente momento, com meus rendimentos, minha meta é manter uma média de 1,5% mensal de rendimento, afinal isso é RV, ideal seria 2%, mas no Brasil sabe como é, bom, estou com a média de 1,48% mensais (na trave), isso porque sofri duas desvalorizações neste ano e estou brincando com fogo alocando em empresa passível de falência kkkkkkkkk, só o tempo me mostrará os resultados, cabe a mim analisá-los.

Blog: Queria está mais presente, no sentido de me expressar sobre assuntos gerais que envolve a sociedade, mas a faculdade está me sugando, só para terem uma ideia, agora à noite farei uma pesquisa que deverei entregar manuscrita amanhã, umas quatro laudas, pela manhã irei ao estágio obrigatório onde ouvirei uma mulher que entrou com ação de cumprimento de sentença através da prisão civil coercitiva (famosa prisão por não pagar pensão), o malandro fez um acordo no ano passado de quanto pagaria mensalmente, uns meses depois viajou para Manaus e não houve mais depósitos, encontraram o endereço onde o sujeito está escondido residindo, mas por três vezes os curreios o procuraram mas sem êxito, o próximo passo é a intimação por oficial de justiça, mas antes, o juiz da causa intimou a vileira mãe do menor a se manifestar com mais precisão do endereço ou informar outro endereço em que o malaco pai da criança poderia está de fato morando, para que o oficial o encontre, logo, minha equipe ficou incumbida de responder ao juiz redigindo documento oficial onde ela declara que o pai mora ou não no endereço, é uma coisa que falando é simples mas fazer é um tanto extremamente irritante complexo devido às regras exigidas para esses tipos de documento, estou pouco me importando no que a causa irá dá, só estou ali cumprindo tabela, só tenho dó da criança que foi colocada neste mundo sem o mínimo necessário para se desenvolver, que Deus ilumine seu futuro, quanto aos pais, que se lasquem, tiveram o momento da escolha e escolheram fazer merda o errado.

Sexta-feira tenho que entregar um contrato simulado de constituição de uma associação, já estão me cobrando que entregue meu TCC na próxima semana, cobrança esta já com a ameaça de perder pontos, meu artigo científico já foi feito, mas me cobraram uma nova formatação, tá complicado, até acabar tudo isso, contentar com uma postagem de atualização.

Estudos: Somente assuntos da faculdade, estou com os impressos do "pai rico pai pobre" e " O Homem mais rico da Babilônia", mas tenho que concentrar nas disciplinas forenses. Quando chegar o dia em que poderei ter tempo para mim, farei postagem literárias dissertando conforme meu ponto de vista, acharia interessante gerar debates sobre estes tipos de temas e ligá-los à realidade que enfrentamos para construir um patrimônio.

Saúde: 

Fisicamente, ganhei peso, não sei como, tenho estatura de 1,65m e a balança ontem acusou 84k, até então nunca havia passado dos 73kg, mas estava trajando roupa pesada e usando uma bota, com certeza influenciaram kkkkkkkk (quem eu quero enganar?), mas estranho é que não me vejo "gordo" na frente do espelho, o importante é que retornei a frequentar academia de musculação e daqui uns meses isso será corrigido, isso porque deixei uma reclamação naquele supermercado para consertar a balança e na próxima vez que usá-la estará meu peso correto kkkkkkkkk.

Nota de atualização 04/10: Fui na academia onde pratico musculação, de short, camiseta e tênis, usando a balança do estabelecimento, acusou 78kg, alívio, os 84kg na balança do supermercado era porque usava roupa pesada, calça jeans, camisa de algodão e uma botina da marca Bradock, ando com um traje de 6kg  que não são sentidos porque estão distribuídos pelo corpo. Porém, pretendo descer um pouco mais, 75kg precisamente.  

Bucal, decidi por um tratamento particular para uma reforma geral na minha boca, devo-me isso há anos, mas sempre procrastinei, realizei uma radiografia e aguardo ser chamado, usarei aparelho nos dentes maxilares para corrigir alguns dentes desalinhados, fora restaurações necessárias, custo inicial de uns 700 alckmins e 100 haddads por mês durante um ano com aparelho, terei que retornar mensalmente para manutenção, isso porque é a clínica particular mais em conta. Não fico entristecido com este gasto porque sei que no final estarei com um belo sorriso no espelho e me sentirei feliz, isso é o que tem que ser pregado na blogosfera, gastar com o que realmente importa, frugalidade.

Mental, camaradas, os medicamentos não estão surtindo o efeito desejado, terei que refletir que a origem da minha depressão talvez esteja relacionada com algum sentimento reprimido, insatisfação por não ter alcançado objetivos selecionados no início da juventude, está próximo dos 30 anos e morando em casa alheia são tipos de coisas que deprimem, estou com muitas ideias em mente, isso demonstra que quero crescer, mas a preocupação de não dá certo, como muitas coisas na minha vida não deram, causa-me ânsia e temor, não escondo isso na blogosfera porque creio que devemos expressar nossas fraquezas para a superação que está por vir, em certos momentos, sinto uma aflição por existir e ter que tomar essas decisões para ser alguém independente. Na próxima semana encontrarei com o psiquiatra que me assiste, vamos vê qual o próximo passo para me manter mais estável emocionalmente.

Sem mais delongas.





Abraço do Norte e Boa Sorte.


domingo, 9 de setembro de 2018

Atualização do Patrimônio Financeiro - Agosto de 2018: R$30.167,65 ou + R$285,51 (+0,96%).

Olá camaradas, segue atualização desse mês, estou muito feliz em retornar a demonstrar na blogosfera minha evolução nesses meses que se passaram:

Ações:




Como expresso nas últimas duas postagens, liquidei totalmente a renda fixa e aloquei totalmente em variáveis, tive que fazer um pequeno aporte de 200 reais para completar a aquisição de duas cotas de 100 ações, cada, da OIBR4, aporte este que só aparecerá nas planilhas da próxima atualização.

Observações:

SAPR4 / CGRA4: Essas duas ações apresentaram queda expressiva se comparado ao valor investido, mas não houve mudanças nos fundamentos que justificassem as desvalorizações, creio que seja oriundo do psicológico do mercado, logo, as manterei.

EUCA4: Depois de anos com lucro constante, embora não crescente e baixos também :(, a Eucatex teve um prejuízo no último trimestre de R$11.651.000,00, porém, mantém lucro R$22.620.000,00  nos últimos 12 meses. É uma empresa que tem fundamentos não muitos bons, Margem Líquida de 1,8%, ROE também em 1,8% (abaixo da Selic, o que não é bom), única coisa boa é a pouca dívida e seu preço de mercado abaixo do avaliado. Aguardarei os próximos resultados trimestrais para tomar uma decisão sobre a presença dessa ação na minha carteira.

Sei que já está mais do que debatido o assunto de investir em empresas com índices altos, lucros crescentes e etc, tenho em minha carteira ações assim, mas sou realista, não existe unicórnios, há empresas em mau momentos, cujo os funcionários lutam para melhorá-las, creio nisso e por isso faço pequenas apostas como a Eucatex e a OI.

ITSA4: Fui informado pela Governança sobre aumento do Capital Social da Itaúsa, como consequência, fui bonificado 10% a mais de ações que já possuía, como tinha PN e ON, foi adicionado na PN, logo, são 120 a minha cota em ITSA4, em seus registros, o adicional saiu por R$8,00 a fim de não me causar muitas perdas na venda, no que se refere aos embargos do Governo, mas em minhas planilhas, coloco como R$0,00 já que não me houve custos.



Na planilha de custos, a Itaúsa PN, passou de $8,97 para $7,55 após a bonificação de 20 ações sem custos.

Logo abaixo, podem perceber uma queda do custo das taxas/emolumentos, sim a Corretora Clear agora cobra apenas R$0,80 por ordem, isso vem de bom grado aos adeptos do "buy and hold", os valores acima da taxa de corretagem representam as tarifas da Bovespa e Imposto (ISS).

Contrato Mútuo:

Aconteceu que uma empresa em minha cidade que possuía o monopólio de vendas de um produto, foi embargada por prática ilícita, tive uma conversa com um amigo meio judeu que entende sobre o comércio do produto, mas não detinha recursos para iniciar a parte burocrática para iniciar o comércio, após negociarmos, entreguei a ele, mediante contrato, a quantia de R$8.000,00. Pela infração que os empresários antigos fizeram, provavelmente receberão sanções para não atuarem no negócio.

Se tudo der certo, no início do próximo ano estaremos atuando, e poderá ser a minha primeira experiência como sócio fundador de uma sociedade, provável que seja uma "comandita", pra quem não sabe, é um tipo de sociedade onde um parte dos sócios são administradores e deliberadores, e a outra parte, sócios que só aguardam os proventos, e aí que eu quero entrar. Confio veemente no meu amigo, quase dez anos de amizade, sempre quando conversamos, é sobre os problemas da sociedade e como o mundo é injusto com os bonzinhos, admiro a extroversão dele de sair por aí e ganhar confiança, é por essa qualidade que arrisco que o negócio dará certo.

Consolidado:




Blog: Após receber ajuda química, que me manterá sob controle até arranjar um método de independer disso, deixei de procrastinar e a fobia social desapareceu, creio que serei mais presente na blogosfera e não sumirei por qualquer crise que geralmente acontecem em fins de anos com a massa achando que a vida irá mudar em razão do natal e virada de ano.

Quando realizei o login na finansfera, deparei-me com a notícia do falecimento do VDC, creio que ele era uma pessoa que merecia viver mais neste mundo do que eu que ainda não fiz nada de grande para colaborar com o desenvolvimento do meu país. Só pude deixar meus pêsames, infelizmente não tinha intimidade o suficiente para conhecer a pessoa por trás do blog, como alguns já o possuíam em grupos sociais:



Aporte: Depois do mútuo e dos 200 reais para completar duas cotas na OIBR4, não tenho expectativa de quando irei aportar novamente, isso porque precisarei adquirir um carro para conhecer o meio rural em virtude do meu projeto de investir em piscicultura, que logo tratarei aqui no blog, a ideia é comprar um Fiat Uno Mille da Linha Fire 2002 em diante, valor estimado em 7 mil dilmas, não é pra conforto, não é pra ostentar, é para me levar onde  quero estar.

Estudos: 9º semestre aí, já me inscrevi para apresentação do TCC, fiz um artigo científico, só que na formatação da ABNT, a minha Universidade tem a própria formatação de artigo e quer que seja do modo deles, estou há semanas solicitando a formatação, mas nada de enviarem ao meu e-mail ou entregar um exemplar, chega a ser revoltante esses docentes exigindo o mundo e o caralho dos alunos e não fazendo suas partes que é auxiliar. Em razão do meu problema psicológico, não pus os pés no estágio obrigatório, amanhã será a minha primeira procura, pois só agora estou oficialmente matriculado após um incidente no registros.

Saúde: É senhores, tive que reconhecer a fraqueza que existe em mim há quase dez anos, que é a patologia "Depressão", desequilíbrios nas reações químicas cerebrais, que podem ser hereditárias ou por grandes frustrações, cuja consequências são emocionais como desejo de isolamento e etc. Querendo se forte, não procurei ajuda, e o resultado foi que a minha parte física começou a ser afetada, como unhas quebradiças, palidez, intestino preso a ponto de sentir dores ao evacuar. Fui a um destes centros de apoio em busca de um psiquiatra, mesmo me oferecendo terapias, refutei que não estava em nível de ficar desenhando e nem de responder o que vejo em uma tela com manchas pretas.

Consegui a consulta com um médico, após diálogos, fui receitado com três medicamentos para cada fase do dia, um deles me fez mal, parei com o uso, os outros dois ajudaram em minha concentração e vontade de lutar pela vida, estou correndo atrás do que eu quero, mas sei se caso eu pare de me medicar, pode voltar, mas isso logo procurarei o método para curar de uma vez esse fantasma da minha vida.


Não há outra opção, a não ser seguir em frente.





Abraço do Norte e Boa Sorte.

quinta-feira, 6 de setembro de 2018

Resenha de compra de ações.

Olá camaradas, segue um resumo nas minhas novas alocações em ações:

ABCB4: Banco ABC BRASIL S.A., um banco que iniciou atividade em 1989 através de um acordo entre a empresa estrangeira Arab Banking Corporation e o Grupo Roberto Marinho, acordo feito com um objetivo, lógico, ganhar dinheiro. Em 1997 a Arab tornou-se controladora do banco, sendo considerado uma filial no Brasil.

ROE (Retorno sobre o Patrimônio): 12,6%, muito bom, acima da Selic, que bera os 7% atualmente.

ML (Margem Líquida): 83,16%, excelente, para cada um real gasto, ganham quatro praticamente.

Vantagem que me fizeram adquirir: preço de mercado abaixo do valor avaliado do patrimônio da empresa.


Lucros constantes e crescentes em quase todo seu histórico apresentado.


CSMG3: COPASA, sociedade de economia mista localizada em Belo Horizonte, presta serviço de saneamento nos municípios mineiros.

ROE: 9,4%, acima da Selic, que é o que importa.

ML: 12,6%, o ideal de margem líquida seria 20%, mas não deixa de ser um resultado positivo, mas estão fazendo muito esforço pra pouco rendimento.

Vantagem que me fizeram adquirir: preço de mercado abaixo do avaliado e dividend Yield de 11,7% (esses tipos de empreendimentos tendem a pagar altos dividendos por não ter para onde crescer).


No final de 2015 houve um prejuízo, o motivo não sei, mas a partir de 2016 lucros constantes e crescentes.


CPLE6: COPEL, empresa do ramo de energia elétrica, gera, transmite e distribui energia no estado do Paraná, também atua na área de telecomunicações.

ROE: 7,3%, tá numa corda bamba.

ML: 8,6%, esta empresa precisa realizar deliberações para diminuir os custos de produções, de forma inteligente.

Vantagens para aquisição: preço de mercado abaixo do avaliado.


Lucros constantes, mas não crescentes.


OIBR4: Empresa em recuperação judicial, primeira ação de telefonia que adquiro, pra quem não sabe, quando uma empresa está preste a sofrer processo de falência, ela tem uma carta na manga que é propôr recuperação judicial, mas para isso, deve elaborar um documento chamado de "Plano de Recuperação", onde põe promessas que irá se estabelecer financeiramente, tendo dois anos para cumprir, senão será decretada falência. Logo, a OI tem um pouco mais de um ano para se recuperar, em 12/17 foi aceito seu Plano de recuperação.

"Hurr Durr perdeu dinheiro alocando em ação que tá preste a falir hurr durr"

O que fiz é estratégico, se recuperar, posso ganhar, e se falir, também posso ganhar. O psicológico da manada tá terrível, o preço de mercado está cinco vezes menor do que o avaliado do patrimônio líquido. Logo, se falir, quando a venderem e pagarem seu credores, o que sobrar será cinco vezes o preço de mercado para cada ação, se recuperar, o preço de mercado poderá subir. É uma observação minha, não aconselho os senhores fazerem o mesmo sem antes procurarem suas próprias convicções.

ROE: 96,5% (Excelente)

ML: 113,6% (Ultra Excelente)

Mas não se enganem com o grandes fundamentos que a OI está apresentando este ano, para se recuperar, necessita-se de uma grande injeção de dinheiro (integração de capital), que não vem da sua produção, só o tempo dará as respostas que sanarão minhas dúvidas. 


Como podem ver, o histórico é desastroso, as duas últimas colunas representam o início da recuperação judicial.


Obs: quando cito "preço de mercado", refiro-me ao psicológico da manada, uma empresa está com fundamentos não tão bons, não justifica seu preço muito abaixo do que deveria valer, porém, isso pode ser oportunidade para outrem como eu adquirir ações baratas.



Abraço do Norte e Boa Sorte. 

domingo, 2 de setembro de 2018

Resenha sobre o meu investimento em Tesouro Direto.

Olá camaradas, retornando às postagens e com muitas novidades, hoje queria me expressar sobre a venda dos títulos que tinha e da compra de 03 (três) ações que aloquei com o ganho dele, mas o tempo foi curtíssimo hoje, no que tange a lei da relatividade, habilitei-me a limpar ar-condicionado, lavar minhas cuecas, até matar cupins numa árvore fiz hoje, logo, postarei sobre o Tesouro e amanhã, pela noite, relato sobre as novas ações da minha carteira.





O quadro acima foi o melhor que uma pessoa com discernimento como o meu poderia fazer, o problema maior é que não pude organizar as taxas administrativas da Bovespa, uma vez que ela é cobrada por fora e eu tinha que manter dinheiro em caixa pra ser paga, ou seja não havia dedução direto do título.

Mas vamos ao que importa, o valor atual "R$8.723,64" já está com o Imposto sobre a Renda deduzido, o que dava o ganho de "R$1,537,68" ou "21,40%" sobre o valor investido. Ressalto que a alíquota do IR é a com mais de 720 dias de investimento (15%), tome cuidado caso não queira manter seu dinheiro por mais de dois anos no TD.

Destarte, ainda faltava verificar as taxas da Bovespa, a cobrança dessa taxa é semestral, de 0,3% sobre o valor investido, sendo semestral, você é cobrado nos meses de Janeiro e Julho, há cobrança dessa taxa também nos resgates antecipados, que foi meu caso, o montante desses 25 meses de TD deram R$97,03 gerando um "ganho real" de "R$1.440,65" ou "20,05%".

Se o senhores observarem a última planilha, ela representa a renda percentual mensal que o TD me proveu, a média da poupança da caixa econômica fedeural é de 0,5%, ou seja, o meu risco no TD IPCA rendeu 60% a mais se eu tivesse mantido meu dinheiro no Bancu estatal.

Já posso por experiência própria concluir que TD é melhor do que caderneta de poupança. Porém, poderia ter ganhado o triplo se na época alocasse em ações, mas era iniciante e bastante cauteloso, mas não um medroso.

Mas o que aconselho aos jovens investidores com menos de 100k ou um pouco mais na carteira, que esse momento não é o certo para ficar pensando em cautela alocando em renda fixa, vão para as variáveis, deixa pra pensarem em segurança depois de velhos quando já não possuírem raciocínio ou saco para calcular. Sem falar que daqui em diante meus investimentos serão 100% em variáveis.

Amanhã realizarei a resenha das novas ações que comprei após resgate do TD e até a data 10/09, retornarei com o resultado mensal e explicarei minha situação que estou passando e que já procurei ajuda e recebi apoio para ser curado dessa doença invisível.





Abraço do Norte e Boa Sorte.

domingo, 10 de dezembro de 2017

Atualização do Patrimônio Financeiro - Novembro de 2017: R$18.537,94 ou + R$303,26 (+1,66%).

Saudações Senhores, trazendo a vocês meu pequeno, se não ínfimo, progresso financeiro referente ao último mês, mas antes, relatar os fatos ocorrido em Outubro/17, que por alguns dias, turbaram minha autoestima, fora o caso da minha mãe que não precisarei pôr em pauta.

Computador down.


Tem a CPU que recebi em Julho/17? Pois é, deu pau no final de Setembro/17, em menos de 90 dias, dentro do prazo legal para reclamar à assistência, infelizmente só pude reclamar formalmente duas semanas após a quebra, o que ultrapassou os 90 dias legais, passando a vigorar apenas a garantia da empresa que é de 06 meses, e nesta, em razão do contrato, tenho que arcar com o frete para a assistência.

Pra quem não sabe, existem dois tipos de garantias de produtos, a Legal prescrita no Código do Consumidor, que é 90 dias para produtos duráveis (meu caso), esta garantia não pode ser negada pelos fornecedores, e a garantia do fornecer, esta dada pelo fornecedor como meio de ter credibilidade dos fregueses, geralmente são entre 6 meses (meu caso) e 12 meses.


 Art. 26. O direito de reclamar pelos vícios aparentes ou de fácil constatação caduca em:
        I - trinta dias, tratando-se de fornecimento de serviço e de produtos não duráveis;
        II - noventa dias, tratando-se de fornecimento de serviço e de produtos duráveis.
        § 1° Inicia-se a contagem do prazo decadencial a partir da entrega efetiva do produto ou do término da execução dos serviços.
       

"hurr durr se fudeo RN, foi desatento e agora perdeu garantia legal."


kkkkkkkk... realmente, só que tenho uma carta virada para baixo. Pra quem não sabe, certos produtos, por sua natureza, não se constatam seus defeitos a olho nu, no caso de uma CPU de computador, vem até com um lacre que é para não se abrir durante o prazo de garantia, sob pena de perdê-la, logo, produtos como este só podem ter seus defeitos constatados durante o uso, e o Código do Consumidor para resguardar esse tipo de situação o chama de "vício oculto" e decide que a garantia legal só passa a contar quando constatado o defeito. Como fiz a reclamação duas semanas após o defeito, estou no prazo legal e mereço ser dispensado de pagar pelo frete à assistência.

Art. 26..................................................................................................................................
§ 3° Tratando-se de vício oculto, o prazo decadencial inicia-se no momento em que ficar evidenciado o defeito.

Logo, solicitei junto ao vendedor do CPcu que não iria arcar com o frete e providenciasse o transporte por sua conta conforme a Lei, mas não fui recepcionado, e o diálogo, compartilho com vocês:










Não sendo assistido, tenho uma carta na manga:


 Art. 18. Os fornecedores de produtos de consumo duráveis ou não duráveis respondem solidariamente pelos vícios de qualidade ou quantidade que os tornem impróprios ou inadequados ao consumo a que se destinam ou lhes diminuam o valor, assim como por aqueles decorrentes da disparidade, com a indicações constantes do recipiente, da embalagem, rotulagem ou mensagem publicitária, respeitadas as variações decorrentes de sua natureza, podendo o consumidor exigir a substituição das partes viciadas.
        § 1° Não sendo o vício sanado no prazo máximo de trinta dias, pode o consumidor exigir, alternativamente e à sua escolha:
        I - a substituição do produto por outro da mesma espécie, em perfeitas condições de uso;
        II - a restituição imediata da quantia paga, monetariamente atualizada, sem prejuízo de eventuais perdas e danos;
        III - o abatimento proporcional do preço.

Pois é, a partir da reclamação, a empresa tem 30 dias para resolver o vício, não havendo a resolução, o consumidor pode exigir uma das três alternativas da citação acima, no meu caso, entrarei em juízo esta semana com a petição para ter o dinheiro gasto (R$1665,00), minha reclamação foi em 14 de Out/17, embora o vendedor tenha me enviado o endereço para envio do CPU, ele não fez pelo modo correto que é me isentar do embargo do frete, que torna o procedimento mesmo que nada. Não aceitarei outro produto porque assim me manterei em vínculo com a empresa, e isso não quero.

Notebook down.


 "Se algo tem que dá errado, dará." (das oito Leis de Murphy).

Após o inconveniente da quebra do pseudoCPU, usei meu notebook que estava na posse da minha irmã, certa manhã fui à academia de musculação, quando volto, fico sabendo que um caminhão passou em frente de casa e puxou fios elétricos, a colisão causou alta tensão e queimou alguns eletrodomésticos da vizinhança, o vizinho da esquerda queimou a central de ar, o da direito queimou um freezer, na minha casa, adivinhem? ... não foi o notebook pra quem arriscou responder, pois não estava ligado à tomada, mas sua fonte de energia estava, e esta "levou o farelo" (termo popular da região norte, sinônimo de "se deu mal" ou "deu ruim").


Meu cunhado, que é uma pessoa que embora me irrite com sua maneira ingênua, tem um caráter coletivo mútuo (diferente da maioria dos brasileiros), por uma semana, andou pela cidade para comprar uma fonte similar (origem paraguaia), nem uma ligava o notebook, apenas as fontes originais, cujo custo beira dos 120 dilmas, pesquisamos na internet e conseguimos encomendar uma original por 70 temers.



A droga da fonte demorou um mês ou mais pra chegar, quando indago dessa demora, descubro que o Curreios está em greve, Ah não vei poha, tnc... , o que colaborava para a mora. Chegou a fonte, das 120 videoaulas (20 minutos cada) para assistir da faculdade, só assistir 40 em virtude do prazo, minha universidade é presencial e deram vídeos para agregar conhecimento, não gosto de deixar deveres incompletos, procuro não ser incompetente e não aparentar ser incompetente, frustante está otimista em fazer algo e por um fato alheio a nossa vontade, não conseguir cumprir.



Mas agora vem uma das partes interessantes, que será a de eu ir até a empresa responsável pelo caminhão e pedir o dinheiro a título de ressarcimento da fonte queimada, irei nesta semana e tenho a sensação que a azienda não entregará tão fácil, de qualquer forma, será mais uma ação na vara de pequenas causas, tô nem aí, cansado de ser besta pra todo mundo.



"Quem tiver que levar processo, levará" (DO NORTE, Rei).

Viciado em processo.


Visitei minha mãe pós operação, a visão que tenho dela é algo confuso, uma mistura de desprezo e pena, vê-la naquela situação que a mesma colaborou em boa parte para estar, cresci vivendo com essa mulher que só pensava em farra, nunca terminou o ensino médio em uma cidade com bastante escolas, nunca procurou um emprego com um salário melhor, etc. Mas isso é assunto para outra estória, fiz a visita com um objetivo, avisá-la que após está recuperada da cirurgia, iniciar processo judicial contra a prefeitura.

Pra quem não sabe, o Estado tem uma responsabilidade civil com o cidadão como qualquer uma pessoa tem com a outra, caso cause algum dano ou prejuízo, ressarça e indenize.

Doutrinariamente, o Brasil segue a teoria do Risco Administrativo, significando que fora situações de Força maior, caso fortuito e culpa da vítima, o ente público deve indenizar prejuízos causados aos administrados em razão de suas obrigações. Caso o dano seja por ação dos seus agentes (responsabilidade objetiva), não há a necessidade de provas, caso o dano seja por omissão (responsabilidade subjetiva), precisa-se provar.

Saúde é um direito fundamental, o Estado não pode simplesmente dizer não a qualquer cidadão que precise desse amparo, pagamos tributos para isso, se for pra não ter então que não cobre tributações.

Ações.




Não realizei nem uma ordem, carteira de ações bem equilibrada, uma das poucas coisas que não me frustam nessa vida, a SAPR4, única ação cujo valor de mercado me deu prejuízo, teve um lucro de mais de 170 milhões neste semestre, 690 milhões nos últimos 12 meses, se me perguntarem o que espero no momento desta companhia, espero que caia mais de preço, quero mais aquisições no futuro não distante. Grazziotin teve uma desvalorização nesses dias, houve lucro no último trimestre, mas foi um pouco mais da metade do trimestre anterior, acredito este fato deu causa à desvalorização, o importante é que o lucro segue constante, por enquanto.

Tesouro Direto.





19 meses de investimento, média de ganho em 0,92% mensais, quase o ideal de investimento em renda fixa que seria de 1%, acredito que ao completar dois anos investidos e com a terceira diminuição da alíquota IR para 15%, passaremos esta barreira dos 1% mensais, embora RF esteja com os dias contados em meu patrimônio.

Consolidado.





Mudança de Planos.


As coisas não estão fáceis para mim, esses incidentes ultimamente me fizeram refletir um pouco sobre a vida, logo, decidir que daqui em diante trabalharei com dedicação total em investir em ações, minha carteira de ações, que está há menos tempo que a do TD, demonstrou ser uma força motriz inigualável em relação à RF, logo, aguardarei o TD completar dois anos, quando terei o potencial máximo desse tipo de investimento, poderia até retirar agora e ganhar mais, no entanto, preciso pôr uma finalidade social a título de informação, em se tratando de ser um blogger, pra tirar dúvidas dos leitores quanto esta RF, preciso ir até os dois anos de investimento.

A ideia era nivelar 25% RF e 75% RV, conforme as doutrinas de Graham, mas essa proporção era fácil de se entender quando se tinha milhões e bilhões no bolso como o ilustre Benjamim, agora será 100% em RV, preciso crescer um pouco mais acelerado, de forma moral e sem especulações, já não possuo temor com ações, foram dois anos estudando e planejando antes das primeiras alocações, sinto a tranquilidade de investir na RV como se fosse RF.

Criptomoedas.


Estou estudando o assunto, gostei dos conceitos, a ideia de ter o valor do seu dinheiro estável  é boa, pena que uma manada de especuladores estão atrapalhando encarecendo a aquisição, principalmente do bitcoin, imaginem se hoje você fosse comprar um produto por $100,00, mas decidisse comprar em outro momento, passa-se 5 anos, volta ao vendedor e percebe que o produto custa ainda $100,00, isso não seria bom? sim, chama-se estabilidade da moeda, o que não ocorre com as moedas expedidas por Governos, então particulares decidiram por livre iniciativa, criarem próprias moedas, que são as famigeradas criptomoedas, que aos poucos ganham adeptos, não apenas driblará questões inflacionárias, mas também questões tributárias, uma vez que o Governo não pode cobrar tributos que não sejam em moeda nacional.

Estou estudando o assunto, provavelmente darei meus primeiros passos ainda neste mês, mas antecipo que não comprarei bitcoin, essa criptomoeda já virou bagunça, pra quem não sabe, existem mais de 50 tipos de criptomoedas, e mais surgirão, nessas que a bagunça não chegou que pretendo adquirir, e se depois que adquirir, virar bagunça, vendo tudo e vou pra outra que não estiver bagunçada.

Criptomoeda não é investimento, é outra moeda assim como o Real, se você precisasse comprar nos Estados Unidos, onde o Dólar é moeda, precisaria cambiar o Real para Dólar (trocar), para assim poder realizar compras nos EUA, isso é investir? Não, pois então.


"Hurr durr RN, tô comprando pq o preço de mercado sobe, se eu tivesse comprado no início, estaria milionário hoje hurr"

O que você faz é o que os doleiros fazem há muitas décadas, você não está sendo nada moderno, pare de querer se amostrar por aí porque tem bitcoin para fins de especulação, você não passa de um parasita no mundo financeiro.

De qualquer forma, a ideia é cambiar o real para criptomoeda e usá-la para adquirir bens e serviços que estarão em um preço quase estável, tudo bem que haja variação em razão da oferta e da demanda, mas inflação é inaceitável. Lembrem-se que inflação é o dinheiro que o Governo tira de você através da desvalorização da moeda. teve um ano do Governo Dilma em que a inflação chegou a 10%, significa que um mês e seis dias que você trabalhou naquele ano foi perdido com a inflação, reflitam sobre isso.

Blog: Coloquei adsense, quebrei um princípio, não queria essa finalidade, talvez não dê quase nada, mas agora tenho que ser mais hardcore pra aumentar patrimônio, qualquer fonte tá valendo, sendo moral e sem especulação. Ainda não sei bem direito configurar, se aparecer alguma coisa do tipo "aumente seu pênis", por favor relevem.

Trabalho: Ando fazendo as pazes com o meu serviço, o problema está no ar no ambiente que sirvo, mas não absorvo, quando percebo sinal de estresse, levanto e bebo uma xícara de café, vou pra fora e pego um ar, etc, e volto, fechando o ciclo.

Aporte: Até que me impressionei no final desse mês, paguei todas as dívidas do mês e as atrasadas, sobrou 1,5k para investir, que guardo para o possível câmbio de criptomoedas, data 19/12 receberei minha gratificação natalina (vulgo 13º), aí dará bom, já sinto que aquela doação a minha mãe nem faz mais efeitos rsrsrsrs.

Estudos: Das seis disciplinas que enfrentei, infelizmente duas tenho que fazer uma repescagem, a nota mínima para passar é 7, duas fiquei 6,25 e 6,75 respectivamente, quando não se consegue a nota mínima, há necessidade de fazer uma prova final, já fiz uma nessa última semana, e a outra farei nessa semana, notas baixas foram em razão dos problemas em aprender logo no início as interpretações da lei, cuja elucidação se dá após um tempo com muita leitura, estou confiante que terminarei este semestre sem problemas, em geral sou um aluno nota 8.

Despesas rotineiras mensais:

Internet: 129,00
Universidade: 838,05
Energia Elétrica: 370,22
Academia musculação: 55,00
Cesta básica: 450,00

Total: 1842,27

Cartão de Crédito já não faz parte da minha vida, mas ando preocupado com a conta de energia elétrica que parece aumentar a cada mês, só para terem uma ideia, desses 370 joesleys que paguei este mês em energia elétrica, 144 é tributo.


Abraço do Norte e Boa Sorte.

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Atualização do Patrimônio Financeiro - Outubro de 2017: R$18.234,68 ou + R$57,41 (+0,32%).

Olá senhores, usando o computador do trabalho só para título de informação já na metade do mês da atualização financeira, Outubro sem dúvida está sendo o mês mais infeliz que estou tendo este ano, a questão dos custos da operação da minha mãe foi a ponta do icebergue dos problemas que ando enfrentando neste mês para cá.

Até o momento estou sem computadores, e não podendo postar nada de forma mais caprichada, celular possui poucos recursos quando se fala em edição, e também não gosto de gastar minha vista fazendo textos longos no celular.

Assim que chegar a nova fonte de energia para o notebook, explicarei com mais clareza sobre os problemas que passo e o que tenho feito para resolvê-los.

Não é brincadeira não, penso muito se há algum "encosto" estagnando minha vida, já estou com saúde debilitando por estresse, todo mundo só sabe me cobrar, esse trabalho onde tenho que passar a noite ouvindo problema dos outros que me obrigam a resolvê-los, infelicidade muito grande em perceber um fio de cabelo branco na minha cabeça :(

Minha mãe, após cirurgia, por duas vezes me ligou pedindo auxílio para comprar medicamentos para levar até ela, em uma das comprar, fiquei como idiota na farmácia porque o medicamente tinha a mesma fórmula do qual ela já tomava. Essa experiência me fez lembrar de um pensamento:


"Pobres fazem filhos por carência e ter alguém para cuidá-los em sua velhice, Ricos fazem filhos para terem herdeiros e sucessores".


Não minto que minha mente está sendo perturbada com a ideia de que a minha mãe, próximo dos 50 anos, decidiu pôr em prática o plano que todos os pais pobres tem para com o filho, de fazê-los gastar o pouco que sobre para servir de assistência. Tenho de alguma forma fazer entender que não entrarei  nesse vício e que tenho uma vida para ganhar.